Padre Marcos Antônio Ghidelli, nasceu em São Carlos aos 12 de Outubro de 1960, filho de Orlando Ghidelli e Margarida Maria Bianchim Ghidelli, primeiro filho de 4 irmãos: José Orlando, Silvana e Natalia, todos casados.

Cursou o ensino básico na escola Professor Antonio Adolfo Lobbe, ensino médio na escola Jesuíno de Arruda, e ensino superior, na Faculdade de História, na antigamente ASSER (atual UNICEP). Em Fevereiro de 1989, entrou no Seminário e cursou Filosofia.

Em 1992, foi para a cidade de Campinas, residindo no Seminário Teológico e cursando Teologia na PUCCAMP.

No dia 28 de Julho de 1995, foi ordenado Diácono e no dia 17 de Dezembro do mesmo ano, presbítero, por Dom Constantino Amstaldem, então Bispo Diocesano.

Em 1996 exerceu a função de Vigário Auxiliar da Catedral de São Carlos e Reitor da então Capela de São Benedito.

No dia 29 de Dezembro do mesmo ano, com a criação da Paróquia de São Benedito, Por Dom Joviano de Lima Junior, foi nomeado primeiro Pároco, exercendo esta função até janeiro de 2019.

Em celebração de posse canônica do dia 1 de fevereiro de 2019, Padre Ghidelli assume a função de Pároco da Catedral de São Carlos Borromeu.

Em 2007, Dom Paulo Sergio Machado o nomeou Chanceler, cargo que exerceu até 2013. A partir de 2014 passou a Vigário Geral da Diocese de São Carlos, função que exerce até os dias de hoje.